blog//

home > blog
15/10/2019 | VIZ SERVICES

Dashboards de gestão: o que são e como podem ajudar sua empresa

Diferentes áreas, vários colaboradores e muitos processos. Gerenciar uma empresa consiste em um grande desafio. São metas, resultados e indicadores que devem ser acompanhados periodicamente. Mas existem ferramentas que, se utilizadas de maneira correta, podem auxiliar as empresa nesse desafio. 

Os dashboards de gestão são aliados no processo de mapeamento e monitoramento dos resultados das empresas. Eles podem ser utilizados em (praticamente) todas as áreas corporativas e melhoram substancialmente o controle das atividades desempenhadas.

Dashboards - a visão do todo 

Dashboard consiste em um painel de controle que possibilita a visão dos processos e monitoramento dos resultados das empresas, tendo como base os indicadores de gestão. Muito mais que um “emaranhado” de dados, o dashboard deve mostrar as informações de maneira clara e compreensível para qualquer profissional da empresa – do estagiário ao diretor. Os dashboards de gestão apresentam, de maneira geral, três finalidades: operacional, tática e estratégica. Resta o seu negócio saber qual o objetivo da ferramenta e focar a sua aplicação.

Da operação à estratégia - do que o seu negócio precisa?

Em um dashboard operacional, o objetivo é fornecer subsídios para que analistas consigam agir na correção dos problemas e na melhoria contínua do trabalho. Com ele é possível cruzar dados e ter acesso à informações que melhoram o processo de tomada de decisão. Um exemplo de dashboard operacional consiste no Google Adwords, que fornece subsídios para que a empresa decida pelo investimento em anúncios, utilização de palavras-chave, entre outras estratégias.

O dashboard também pode ser usado do ponto de vista tático. Nesse caso, as informações contidas no painel de controle revelam os números relacionados às decisões tomadas no âmbito operacional. Em outras palavras, se o investimento em anúncios e utilização das palavras-chave, por exemplo, trouxe reflexos positivos ao negócio.

Já no âmbito estratégico, o dashboard pode ser usado para coletar informações que possibilitam acompanhar os resultados da empresa e traçar comparativos, mostrando ela está e onde pode chegar.

Alguns cuidados na hora de utilizar um dashboard

  • A utilização de um dashboard de gestão pressupõe a disponibilização de informações claras. Portanto, evite excesso de dados. Ele pode comprometer o entendimento do usuário.
  • A informação contida no dashboard impacta no processo de tomada de decisão? Se a resposta for não, provavelmente ela está ocupando espaço na ferramenta. Por isso, opte por inserir dados que realmente tenham impacto em seu negócio.
  • Se houver alguma informação restrita no dashboard, limite o acesso apenas aos cargos indicados.
  • Não esqueça de delimitar qual o objetivo o dashboard e qual o público que irá consumí-lo. Fique atento aos indicadores e termos específicos usados para cada um deles.

A partir da utilização de um dashboards de gestão, sua empresa pode assumir um controle mais assertivo dos processos, compreendendo melhor cada etapa. Mas para que isso seja possível, é importante contar com uma ferramenta intuitiva, simples e de fácil compreensão.

O dashboard deve ajudar no entendimento dos processos e na visualização dos resultados. Por isso é essencial que sua empresa defina qual a finalidade do uso da ferramenta. Dessa forma ela será uma importante aliada na construção de uma gestão mais sólida e no alcance de resultados assertivos.